top of page
  • José Leonídio

Pílulas Literárias #89 - O Saber

O saber é palavra que não se compra. Educar para a vida é ferramenta que vem implícita na nossa existência. Aprender a ler e escrever, são instrumentos necessários para vivermos em sociedade para que possamos nos desenvolver, alcançar metas e objetivos.


Não existe o mais ou menos inteligente, as oportunidades que nos são oferecidas, desde nosso princípio na matriz de nossas mães, é o que nos darão a maior ou menor capacidade dos nossos intelectos.


Se as mesmas oportunidades forem oferecidas na formação de indivíduos de etnias diferentes, teremos cidadãos socialmente iguais na capacidade intelectual e neste momento prevalecerá o GNOS mais preparado independentemente do seu status social.


A verdadeira democracia da igualdade, começa dentro do útero materno e continua com a equidade na formação plena, sem que lhes coloquem barreiras ou antolhos, sejam sociais ou étnicas. O saber é universal, e, é a base da verdadeira democracia.




1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pílulas Literárias #246 - Prazer

As palavras vão tomando novos sentidos, com o passar dos anos, dos séculos. Um exemplo é a palavra Prazer, que, na sua origem latina “Placere”, remetia-se a: “aceito”, “querido”, que, por sua vez, es

Pílulas Literárias #245 - Encontro

Existem duas formas distintas e antagônicas no sentido da palavra encontro. Se usamos como direcionamento, a preposição "a", acrescida do artigo "o" , ou seja, "ao encontro", não existem barreiras que

Pílulas Literárias #244 - Conversa

Nada é mais salutar do que uma conversa aberta, em campo neutro. O antigo papa de botequim, sem hora marcada, sem tempo definido, quantas arestas foram quebradas, não pelos valores etílicos e, sim, po

Comentarios


bottom of page