top of page
  • José Leonídio

Pílulas Literárias #236 - Sim e Não

A base do respeito ao próximo e da credibilidade dos nossos atos está diretamente ligada à duas palavras de três sílabas, que se opõem nas suas aplicações: SIM e NÃO.


Quando , ainda na infância e na adolescência, estas duas palavras são utilizadas na nossa formação, com equilíbrio nas suas aplicações, aprendemos os seus valores e será nosso diferencial entre o posso e o não posso, o devo e o não devo.


Quando existe a prevalência de um, principalmente do SIM, o antagonismo não se fará presente.


O NÃO não é uma punição, é um ensinamento, o SIM não é um prêmio, é um sinal de que será uma ação correta.


O sentimento de culpa de não estar presente,

durante boa parte do dia ou, de querer fazer diferente, de que seus filhos exerçam a liberdade plenamente, se repercutirá mais forte do que o NÃO, porque tirará os limites que se impõem a convivência, e a falsa impressão, de que tudo podemos, nada pode nos contrariar.


Saber escutar, analisar e tomar as decisões corretas fazem parte deste jogo entre o SIM e o NÃO e, quanto mais equilibrada estiver esta balança, melhor será nossa convivência.


Nunca essas duas palavras foram tão importantes na formação das novas gerações.


A sua aplicação na adolescência e na fase adulta não se aprende na escola e, sim, no convívio familiar.


A escola ensina a grafá-las somente, os dicionários definem-nas friamente, a família, com a razão de cada uma e sua aplicação no nosso dia a dia.


SIM é SIM, NÃO é NÃO em todas as situações em que têm que serem aplicadas.

Tenham um belo dia entre o SIM e o NÃO.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pílulas Literárias #246 - Prazer

As palavras vão tomando novos sentidos, com o passar dos anos, dos séculos. Um exemplo é a palavra Prazer, que, na sua origem latina “Placere”, remetia-se a: “aceito”, “querido”, que, por sua vez, es

Pílulas Literárias #245 - Encontro

Existem duas formas distintas e antagônicas no sentido da palavra encontro. Se usamos como direcionamento, a preposição "a", acrescida do artigo "o" , ou seja, "ao encontro", não existem barreiras que

Pílulas Literárias #244 - Conversa

Nada é mais salutar do que uma conversa aberta, em campo neutro. O antigo papa de botequim, sem hora marcada, sem tempo definido, quantas arestas foram quebradas, não pelos valores etílicos e, sim, po

Comments


bottom of page