top of page
  • José Leonídio

Pílulas Literárias #222 - A Mulher e a vaidade

Dizem que mulher e vaidade são sinônimos, só não consta nos dicionários.

Esta afirmação sempre me intrigou.


O que é a vaidade?


Vaidade é um termo precedido do artigo "a."


Então, é de uso exclusivo feminino?


Para encontrar esta resposta fomos procurar a etimologia da palavra e esta nos mostra que deriva da latim "vanitas," a qualidade do que é vão, fútil, ilusório.

Vaidade não é sinônimo de mulher, porque a procura do belo, do se sentir bem, não é sinônimo de vaidade.


Vaidade faz parte do DNA feminino, ou seja, estar a procura de se apresentar bem, onde o belo é um dos itens, não como sinônimo de vaidade e, sim, do se sentir bem para si (o EU) e depois para quem está a seu lado (o TU).


Seu(s) filho(s) serão sempre os mais bonitos, os mais sagazes, porque é assim que os enxerga, belos e sagazes. A procura do se sentir bem, usando o belo como elemento de apoio, não é vaidade, é o algo a mais que faz com que se destaquem dentro de suas originalidades. Nenhuma mulher nasce vaidosa, o que se lhe acrescenta durante a vida é a procura do seu conceito de belo, que é individual e transmutável dia a dia.


Vaidade é uma palavra usada por quem a vê, e não consegue separar o belo pessoal, do fútil, do ilusório.


Bom final de semana a todos convivendo com seus belos interiores.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pílulas Literárias #246 - Prazer

As palavras vão tomando novos sentidos, com o passar dos anos, dos séculos. Um exemplo é a palavra Prazer, que, na sua origem latina “Placere”, remetia-se a: “aceito”, “querido”, que, por sua vez, es

Pílulas Literárias #245 - Encontro

Existem duas formas distintas e antagônicas no sentido da palavra encontro. Se usamos como direcionamento, a preposição "a", acrescida do artigo "o" , ou seja, "ao encontro", não existem barreiras que

Pílulas Literárias #244 - Conversa

Nada é mais salutar do que uma conversa aberta, em campo neutro. O antigo papa de botequim, sem hora marcada, sem tempo definido, quantas arestas foram quebradas, não pelos valores etílicos e, sim, po

Comments


bottom of page