top of page
  • José Leonídio

Pílulas Literárias #177 - Para o novo ano - ato 2

Ao atravessarmos mais uma etapa do túnel do tempo, que o que se aproxima venha sem rótulos, que o seu conteúdo seja preenchido por múltiplas mãos que se entrelaçam, que a energia do sorriso aberto e do brilho nos olhos estejam presentes em todos os minutos destes novos tempos.


Que a noite seja iluminada pelo luar e que os raios do sol na manhã iluminem nossos caminhos, nos energizando na boa caminhada, a do amor, alegria, realizações e na conquista do bem maior, o amor a nós mesmos.


Um ano novo de luar, sol e amor em todos os sentidos.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pílulas Literárias #246 - Prazer

As palavras vão tomando novos sentidos, com o passar dos anos, dos séculos. Um exemplo é a palavra Prazer, que, na sua origem latina “Placere”, remetia-se a: “aceito”, “querido”, que, por sua vez, es

Pílulas Literárias #245 - Encontro

Existem duas formas distintas e antagônicas no sentido da palavra encontro. Se usamos como direcionamento, a preposição "a", acrescida do artigo "o" , ou seja, "ao encontro", não existem barreiras que

Pílulas Literárias #244 - Conversa

Nada é mais salutar do que uma conversa aberta, em campo neutro. O antigo papa de botequim, sem hora marcada, sem tempo definido, quantas arestas foram quebradas, não pelos valores etílicos e, sim, po

Comments


bottom of page