top of page
  • José Leonídio

Pílulas Literárias #170 - Nascimento

Nada traz mais alegria do que a do nascimento.


A perda nos impõe um sentimento de tristeza, a da ausência definitiva.


Nascimento e esperança se complementam. Creditamos a este novo ser nossas expectativas de que cresça saudável e realize seus sonhos e objetivos.


Uma nova energia nos envolve, nos faz sorrir, abraçar e até ter o bom choro, o da alegria, da continuidade.


Natal significa nascimento, e creio que este seja o verdadeiro milagre deste dia, pois no Natal vemos renascer dentro de cada um de nós o sorriso, a alegria do reencontro da família, dos amigos. A mesa farta não de alimentos, mas da boa energia, a que une os corações.


Nestes dias que precedem a comemoração do nascimento de Jesus Cristo, que possamos renovar nossos valores, deixando para trás os que nada somam para replantarmos a esperança dentro de cada um de nós.


Que o abraço seja o de corações que se unam numa mesma frequência, a do amor.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pílulas Literárias #246 - Prazer

As palavras vão tomando novos sentidos, com o passar dos anos, dos séculos. Um exemplo é a palavra Prazer, que, na sua origem latina “Placere”, remetia-se a: “aceito”, “querido”, que, por sua vez, es

Pílulas Literárias #245 - Encontro

Existem duas formas distintas e antagônicas no sentido da palavra encontro. Se usamos como direcionamento, a preposição "a", acrescida do artigo "o" , ou seja, "ao encontro", não existem barreiras que

Pílulas Literárias #244 - Conversa

Nada é mais salutar do que uma conversa aberta, em campo neutro. O antigo papa de botequim, sem hora marcada, sem tempo definido, quantas arestas foram quebradas, não pelos valores etílicos e, sim, po

Comments


bottom of page